sábado, 24 de maio de 2014

DINHEIRO FEDERAL

A GAZETA DO OESTE teve acesso, de forma exclusiva, documento oficial que se caracteriza num novo capítulo do possível desvirtuamento da transferência federal de recursos financeiros feita ao município do Assu, cidade-polo da região do Vale do Açu, para ações de enfrentamento às enchentes que ocorreram no ano de 2009, primeira gestão do novamente prefeito do município, Ivan Lopes Júnior (PROS).

O fato recente, datado de fevereiro deste ano, é desdobramento da constatação feita em 2011 pela Controladoria Geral da União (CGU), em Brasília, de que houve superfaturamento e sobrepreço nas obras públicas em Assu financiadas pelo dinheiro remetido pela União para as ações emergenciais.

Em reportagem publicada no dia 1º de agosto de 2011 sob o título “CGU vê fraude em recebimento de verba após tragédias em Assu”, o jornal Tribuna do Norte, de Natal, reportou que “a Controladoria Geral da União (CGU) constatou superfaturamento e sobrepreço em obras públicas no município de Assu, distante 207 km de Natal. As verbas superfaturadas seriam as repassadas pela União para reconstrução após tragédias. Além da cidade potiguar, outras nove espalhadas pelo Nordeste também aparecem no relatório da CGU: Castelo do Piauí, Prata do Piauí e São Miguel da Baixa Grande (Piauí); Coreaú, Groaíras e Massapê (Ceará); Dom Pedro e Grajaú (Maranhão); e Maruim (Sergipe)”.

Naquela oportunidade, segundo a mesma matéria, a Prefeitura do Assu procurou se explicar dizendo que “não houve superfaturamento, mas sim ‘desvio da finalidade’ da aplicação da verba”. Conforme o esclarecimento da prefeitura, em 2009 uma forte enchente atingiu a cidade. A prefeitura então solicitou verba para reconstrução, mas disse que acabou utilizando parte do dinheiro para obras de prevenção. “Na intenção de evitar um problema maior, a prefeitura refez o que estava estragado e realizou outras obras de prevenção, todas relacionadas a enchentes”, alegou o órgão público.

Ainda de acordo com a reportagem do periódico natalense, “a Prefeitura do Assu afirmou que parte dos R$ 2 milhões recebidos acabou sendo bloqueada, mas que o Governo Federal vem liberando a verba aos poucos após justificativas apresentadas pelo município. A cidade tem, conforme a Secretaria de Governo, até o fim de agosto para apresentar todas as justificativas sobre irregularidades apontadas pela CGU ao Ministério da Integração Nacional”.

O material jornalístico produzido na época pela Tribuna do Norte pode ser acessado pela internet através do link (http://tribunadonorte.com.br/news.php?not_id=190681).

Todavia, o documento obtido pela GAZETA DO OESTE atesta indiscutivelmente que o problema não seria tão simples e, pelo contrário, revela uma situação bem mais expressiva e grave.

Com data de 10 de fevereiro de 2014, o Ofício nº 99/2014/DGI/SECEX/MI, assinado pelo diretor do Departamento de Gestão Interna, Secretaria Executiva do Ministério da Integração Nacional, Djair Fiorillo Lopes, endereçado diretamente ao prefeito Ivan Lopes Júnior, realça um cenário totalmente oposto à forma como a administração municipal quis tratar o assunto.

No expediente, que faz menção ao Termo de Compromisso – TC nº 42/2009 (SIAFI 652366) Processo nº 59050.001151/2009-89, o dirigente do órgão federal destaca que, “em virtude da análise efetuada pela Coordenação-Geral de Prestação de Contas de Convênios – CGCONV, quanto ao aspecto financeiro da Prestação de Contas Final, referente ao convênio em epígrafe, firmado com este Ministério por meio da Secretaria Nacional de Defesa Civil – SEDEC, informamos que a área técnica glosou o valor de R$ 7.966.875,44, conforme Análise Técnica nº 008/2013-VPZ-DRR, de 11/11/2013, cópia anexa, a ser atualizado e devolvido”.

Noutro ponto da correspondência dirigida ao prefeito Ivan Júnior, o representante do Ministério da Integração Nacional explica que o gestor municipal “ficará responsável pela devolução do saldo bloqueado pela Sedec, após o respectivo desbloqueio, devendo, se for o caso, comunicar esta Pasta para que sejam providenciados os ajustes aplicáveis ao caso e as devidas atualizações, onde couber”.

O Ofício destaca, mais adiante, que seria estabelecido prazo de 30 dias, contados a partir do recebimento, “para que seja efetuada a devolução da importância de R$ 12.804.379,79, já atualizada monetariamente e acrescida de juros legais (…)”. Oficialmente, é ignorado se o prefeito Ivan Júnior cumpriu o prazo fixado e restituiu a soma citada aos cofres do Governo Federal.

Por fim, Djair Fiorillo Lopes informou que “em caso de não regularização no prazo estipulado, o município será inscrito automaticamente como INADIMPLENTE no Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal – SIAFI, tornando obrigatório, ainda, o encaminhamento do processo para a instauração de Tomada de Contas Especial, em consonância com a legislação vigente, bem como inscrição do nome do Responsável no Cadastro informativo de Créditos Não Quitados do Setor Público Federal – CADIN, conforme Lei nº 10.522/2002″.
- Transcrito do jornal Gazeta do Oeste
- Blog Ana Valquiria.

PLAQUETE

Plaquete - um breve documentário que publique quando o importante município do Assu, minha terra natal querida, completou 150 anos de História (Sesquicentenário), em 1995. "Assu ganhou foros de cidade (foi a segunda cidade a ser criado no Rio Grande do Norte) desde 16 de outubro de 1845, com aquela denominação que quer dizer Aldeia Grande na linguagem indígena. Já, outros, entretanto, dizem que aquela denominação quer dizer "á esquerda", Tem fundamento a informação porque aquela cidade situa-se à margem esquerda do grande rio Piranhas." Fica o registro. Obrigado pela leitura.
Postado por Fernando Caldas.

GEOGRAFIA

O município do Assu se limita com os seguintes municípios: Mossoró, Serra do Mel, Carnaubais, Afonso Bezerra, Ipanguaçu, Itajá, São Rafael, Jucurutu, Paraú e Upanema.

LUTO:

Nota de Pesar
É com profundo pesar que lamentamos o falecimento da minha querida amiga Gianny Wanderley, ex-vereadora por dois mandatos no município de Carnaubais, aos 38 anos, no hospital Policlínica em Natal.

Gianny foi uma mulher de luta e garra, que desde muito jovem, ainda no colégio das freiras, destacava-se e deixava claro que seria uma grande líder. Aos seus pais, Giovani e Chaguinha, seus filhos Adson e Gabriel, esposo Adilson e irmãos, externo minha profunda tristeza e envio um abraço fraterno em nome de toda a minha família, em agradecimento a todo o carinho e atenção sempre registrados em seu sorriso.
Que Deus possa confortar toda a família.
George Montenegro Soares

POLÍTICA DE IPANGUAÇU

Os candidatos a prefeito e vice-prefeito de Ipanguaçu, da coligação Unidos ao povo Venceremos PP/DEM, Zé de Deus e Hélio Santiago, deverão receber na movimentação deste sábado (24), as presenças do deputado federal e pré-candidato ao governo, Henrique Alves; deputado federal, João Maia; deputado federal, Felipe Maia; senador, José Agripino Maia; deputado estadual, Walter Alves; deputada estadual, Marcia Maia; deputado estadual, George Soares; vice-prefeita e pré-candidata ao senado, Wilma de Faria; prefeito do Alto do Rodrigues, Abelardo Rodrigues; prefeito de São Gonçalo do Amarante, Jayme Calado e a pré-candidata a deputada federal pelo PR, Zenaide Maia.

Está prevista ainda para este sábado a subida do vereador ipanguaçuense Jaires Azevedo dos Santos, o popular Gordo, no palanque de Zé de Deus e Hélio, acompanhado da presidente do PSB Wilma de Faria.

Gordo que apoia a chapa PP/DEM, composta por Zé de Deus e Hélio, foi eleito vereador pelo PSB, presidido por Josemar Lopes, vice-prefeito de Ipanguaçu, cassado juntamente com o ex-prefeito Leonardo da Silva Oliveira, fato que, por prevenção, o impedia de subir e discursar no palanque de Zé de Deus e Hélio.

AÇÃO PARLAMENTAR:

O deputado estadual George Soares (PR) fez uma visita nesta sexta (23) pela manhã à sede da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Assú.

Acompanhado por parte da diretoria da instituição, o parlamentar viu de perto as melhorias implementadas graças a uma emenda de sua indicação, no valor de R$ 30 mil.

Com os recursos, foram comprados equipamentos de fisioterapia, computadores, dois ar-condicionados, duas TVs, um fogão industrial e um freezer, além de material didático, de expediente para o ano todo, produtos de limpeza e gêneros alimentícios para o lanche.

Tudo isso vem melhorar o atendimento oferecido pela Apae às crianças do Assu e região do Vale.

"Essa emenda trouxe um engrandecimento à Apae. Todos que fazem a instituição só têm a agradecer ao deputado pelo seu empenho para conseguir o recurso. Os equipamentos comprados com o valor da emenda vieram nos ajudar muito", afirma a diretora financeira, Ana Raquel de Medeiros.

Durante a visita, estavam representando a Apae, a vice-presidente, Maria Cleidimar, a diretora financeira, Raquel, a assistente social, Ranilda, e a secretária, Maria de Lourdes.

AÇÃO PARLAMENTAR

Uma comitiva formada pelo deputado estadual George Soares (PR), o presidente da Liga Açuense de Desportos (LAD), Francisco Soares, Clebson Corsino e os líderes regionais Chico de Vilauba e Renato da Farmácia visitou na tarde desta sexta-feira (23) o estádio Edgar Borges Montenegro – oEdgarzão –, em Assú.

O estádio passou recentemente por uma grande obra para construção de 60 metros e 10 degraus de arquibancadas, aumentando a capacidade de 3.000 para 4.200 lugares.

A reforma só possível graças a uma emenda parlamentar do deputado George Soares.
Francisco Soares destacou a importância do investimento: “Esse é um patrimônio do povo de Assú. Há anos que a gente pedia essa reforma e a emenda do deputado George Soares foi fundamental para realizar esse sonho”.

O deputado George Soares afirmou que ficou muito feliz com a concretização do projeto, lembrando que o terreno do estádio foi doado por seu avô Edgar Montenegro.

“Como torcedor do Camaleão do Vale que sou, tenho consciência que agora os torcedores ganharam muito mais conforto e o time um novo lar. Aumentamos em 1.200 lugares a capacidade do estádio e também devo destacar o empenho do presidente da Liga Açuense de Desportos por trabalhar de forma tão organizada”, registrou.

LUTO EM CARNAUBAIS

Gianny durante tratamento comemorando aniversário 
com a família. Foto: Facebook. 

Carnaubais perdeu hoje uma de suas filhas mais carismáticas da atualidade. Gianny Wanderley viveu intensamente sua trajetória, assumindo a missão que acreditava. Deixa o grande exemplo.

Trilhou o caminho da política, plantou sonhos. Mas o tempo, efêmero, não permitiu colhê-los.

Em 2012 o povo carnaubaense sentiu muito ao ver as imagens de uma companheira de voz fraca anunciando que iria se afastar temporariamente da batalha para o tratamento intensivo de saúde.

Hoje lamentamos imensamente em informar que a admirável Gianny se despediu desse mundo, após se tornar símbolo da perseverança. 

Sem dúvida, o carisma era marca registrada dessa carnaubaense.

Os amigos nas mídias sociais relembram momentos da história política de Gianny e prestam suas condolências, sobretudo os pais Giovanny e Chaguinha, esposo Adilson, aos dois filhos, Adson e Gabriel, irmãs e irmãos.

Gianny é uma peça de difícil substituição na política de Carnaubais!
Postado por Toni Martins.

LUTO

Faleceu na madrugada deste sábado , no Hospital Policlínica em Natal, a ex-vereadora por dois mandatos de Carnaubais, Gianyy Wanderley, 38 anos, extenuada por uma grave doença que abateu-lhe em 2012.

Parte de sua vida se dedicou a política, era uma pessoa muita carismática e querida tanto em Carnaubais como na região. Foi vereadora três vezes, a primeira de 1997 a 2000, pelo PTB. No segundo mandato, 2005 a 2012. e era a presidente do PP Mulher no RN. 

Também trabalhou no cargo de secretária de Educação, na gestão municipal até 2011. Teve dois filhos e grandes sonhos na carreira política. 

Gianny faleceu por volta de 1:30 horas. Seu corpo será velado na residência de seu pai Giovani Wanderley. O sepultamento está previsto para amanhã [domingo] pela manhã. 

Carnaubais está em luto!
Postado por Toni Martins

sexta-feira, 23 de maio de 2014

IPANGUAÇU

Dos possíveis candidatos em substituição ao seu nome são Rizomar, Eudson e Marluce.
A preferência de Zé se Deus deverá ser Rizomar, contudo, por ter sido coadjuvante em todo processo à que levou o seu indeferimento, o ex-prefeito não pode e nem deve arriscar.
O Dr. Eudson Godoy ou a vereadora Marluce deverá substituí-lo na chapa convencionada para o dia 1º de junho.
Independente do posicionamento de Zé de Deus na escolha do seu substituto, Ipanguaçu tem como opção votar 11.
REGIStrando

EVENTO

XV Candieiro Fest Rock

projetoO último dia de maio – 31, sábado – será reservado a outro grande momento para os fãs dorock/metal.

Será a 15ª edição do Candieiro Fest Rock, no Candieiro Espaço Cultural, bairro da COHAB, em Assú (RN), a partir de 21h, com a participação de três atrações de vigor, peso e energia.

Um dos destaques é o F 10, de Mossoró (RN), que apresentará um repertório calcado no melhor do hard & classic rock, apresentando sua nova formação, com o ingresso do talentoso vocalista Patrick Raniery (ex-Legacy, Spectrum, Seyfer e outros).

De Mossoró (RN) também virá o Bones In Traction, com seu vigoroso thrash metalinspirado na escola de Sepultura, Pantera, Cavalera Conspiracy, Soulfly, Machine Head, Fear Factory, entre outros.

Uma das apresentações mais aguardadas dos últimos tempos pelos headbangers do Vale do Açu e região ficará a cargo do Motorbreath, de Natal (RN).

É o cover oficial no Estado do lendário grupo Metallica – a banda foi batizada com o nome da terceira faixa do disco Kill ‘Em All, lançado em 1983, estreia do quarteto norte-americano.

EVENTO CULTURAL:

CANGAÇO
A SOCIEDADE BRASILEIRA DE ESTUDOS DO CANGAÇO – SBEC estará promovendo, no Auditório da Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais - FAFIC - UERN, em Mossoró, no período de 02 à 04 de junho do corrente ano, o XVI Fórum do Cangaço que traz como tema: Cangaço e turismo numa perspectiva pedagógica e empreendedora.
As inscrições acontecerão no período de 26/05 a 02/06 no Departamento de História da UERN. Será cobrada uma taxa de R$. 20 reais. 
O cronograma de atividades se dará da seguinte forma:

Dia 02/06/14 – Segunda-feira
19h15min
Local: Auditório da Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais da UERN
Solenidade de abertura
20:00h
Diplomação de novos sócios da SBEC
20:30h
Conferência de abertura
Tema: O roteiro do cangaço e a pedagogia das atividades de campo na cidade de Mossoró/RN
Conferencistas: Cinara Filgueira Maciel
Maria Gorete Serra Sousa
21:30h
Programação cultural
Genildo Costa

Dia 03/06/13 – Terça-feira


19:30h
Palestra e lançamento da obra:
Título: JARARACA: memória e esquecimento nas narrativas sobre um cangaceiro de Lampião em Mossoró
Palestrante/autor: Marcilio Lima Falcão

Dia 04/06/14 – Quarta-feira

09:00h
Assembléia Geral da SBEC
Eleição e posse da diretoria para o biênio 2014-2016
19:30
Palestra e lançamento da obra:
Titulo: DOS VERSOS ÀS CENAS: o cangaço no folheto de cordel e no cinema
Palestrante/autor: Gilvan de Melo Santos
Datas importantes

Informações repassadas pelo professor Joacir Rufino.
                                             

quinta-feira, 22 de maio de 2014

EVENTO:


Em uma noite concorrida, com a presença de autoridades políticas, religiosas e acadêmicas, o Cineteatro Pedro Amorim, em Assú, foi palco nesta quarta-feira (21), do lançamento do livro em homenagem ao padre Francisco Canindé Santos, “Pastor Incansável do Vale do Açu”, de autoria do religioso Tállison Ferreira da Silva.

A publicação, de 167 páginas, é um verdadeiro passeio pela vida do sacerdote que, de 1966 até 2011 foi o pároco da cidade do Assú e com sua energia contagiou a todos ao longo de décadas. “Ele foi e continua sendo um exemplo para todos nós. Um incansável lutador e um sacerdote que soube sair da paróquia e abraçar as lutas por um mundo mais justo”. Ressaltou a professora e pesquisadora da Uern, Josineide Silveira.

De acordo com o autor do livro, a vontade de escrever sobre a vida de padre Canindé surgiu das muitas histórias que ouvia sobre o sacerdote. “Ele foi o homem que recebeu de igual para igual o mito Frei Damião em visita a Assú. Foi o responsável por diversos grupos escolares e diretor do Ginásio Pedro Amorim numa época de difícil acesso ao mundo das letras”, comentou Tállison Ferreira.

De acordo com Tállison Ferreira, o livro foi produto de dez meses de trabalho e pesquisas em diferentes fontes.

Barragem

Padre Canindé, emocionado em grande parte da apresentação desta quarta-feira, comentou que o seu desejo nunca foi à fama ou riqueza material. Aproveitou, também, para esclarecer pontos importantes sobre o seu posicionamento a respeito da construção da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves. “Nunca desejei ou almejei fama. Nasci, cresci e irei morrer pobre. Sobre as histórias da Barragem, sempre lutei em favor dos pobres e menos favorecidos. Não fui contra o desenvolvimento que ela trouxe, mas desejava que esse salto de tecnologia andasse aliado aos interesses da grande maioria e não de uma pequena casta. Eu era contra as injustiças cometidas contra o povo pobre que era obrigado a deixar suas casas sem ter para onde ir e nem recebia a indenização obrigatória”, finalizou.
Postado por REGIStrando.

POLÍTICA

George Soares participa de recepção 
a Eduardo Campos
O deputado estadual George Soares esteve presente hoje (22) pela manhã na recepção em Natal ao presidenciável Eduardo Campos em Natal. O convite ao parlamentar que tem sido um lutador pelo desenvolvimento do Sertão potiguar foi feito pela ex-governadora Wilma de Faria. "Recebi o convite, vim e gostei do que vi. Muito simpático e com bons projetos para o Brasil e para o Nordeste", afirma o deputado.

Também estiveram presentes ao encontro o ex-governador Iberê Ferreira, a deputada federal Sandra Rosado e a deputada estadual Larissa Rosado.
Assessoria de Imprensa do Deputado Estadual George Soares

JUCURUTU

O registro aéreo do amigo Naquib Libânio revelou a água acumulada na
Barragem de Oiticica que ainda está com uma “parede improvisada”.

A parede que represa toda essa água é chamada de ensecadeira. Segundo o Consórcio EIT/ENCALSO, responsável pelas obras do reservatório Oiticica, a ensecadeira foi construída para reter a água que iria impossibilitar o trabalho executado na construção da parede central da barragem.

JUSTIÇA:

Por maioria dos votos, na sessão ordinária desta quarta (21), o Pleno do Tribunal de Justiça do RN absolveu o deputado estadual George Soares (PR) e seu assessor, Luiz Carlos Cabral Filho, da acusação de uso de documento falso.
Notas fiscais emitidas por dois postos de gasolina no município de Assú, onde o deputado tem sua base, estariam superfaturadas e em desacordo com o emitido nos cupons fiscais.
A nota fiscal foi requerida para justificar, junto a Assembleia Legislativa, o consumo de combustível pelo deputado, para reembolso mediante verba indenizatória.
Os donos dos postos de gasolina também foram absolvidos da acusação de falsidade ideológica, de acordo com informação veiculada pelo portal oficial do Poder Judiciário potiguar.
À unanimidade, o Tribunal de Justiça recebeu a denúncia oferecida pelo Procurador Geral de Justiça por meio da Ação Penal Originária nº 2013.010131-9 contra George Soares, Luiz Carlos Cabral Filho e os empresários Erinaldo Medeiros de Oliveira e Joélio de Souza Targino, além de Francisco Jaime de Souza.
A Corte julgou improcedente a ação, nos termos do voto da relatora, a desembargadora Zeneide Bezerra, que acompanhou integralmente a defesa dos acusados.
A acusação de participação do esquema que favoreceria o deputado recaiu ainda sobre os proprietários dos postos de combustíveis localizados na cidade de Assú, visto que a nota fiscal emitida por um dos postos atendia aos dois estabelecimentos, em virtude do não funcionamento da máquina registradora em um dos postos.
A nota fiscal foi requerida para justificar, junto a Assembleia Legislativa, o consumo de combustível pelo deputado George Soares, para reembolso mediante verba indenizatória.
“Foi um acordo entre os proprietários, um pedido de um dos proprietários de posto ao outro empresário, visto que sua máquina de emissão de cupons estava com defeito, no dia solicitado pela assessoria do deputado. Para não haver atrasos na apresentação dos documentos para recolhimento da verba indenizatória, junto à Assembleia Legislativa, a nota fiscal teve origem em apenas um dos estabelecimentos”, esclareceu o advogado Francisco Jaime de Souza, em defesa aos empresários.
O mesmo foi alegado pelo advogado de defesa do deputado George Soares, Wlademir Capistrano.
Segundo ele, o deputado, que abastece em todos os postos da região de Assú, jamais o fez agindo em má-fé. “Ele apenas adquiriu o produto óleo diesel e o consumiu ao longo do mês”, explicou.

HUMOR

Charge do dia: Vai
 
Sorriso Pensante - Ivam Cabral

AÇÃO PARLAMENTAR

Investimento: George Soares apresentará emenda para a Estrada da Castanha

George Soares e Obery Rodrigues

O deputado estadual George Soares (PR) vai apresentar em plenário uma emenda para a obra da Estrada da Castanha que ligará o município de Serra do Mel à Costa Branca e Vale do Açu.

A informação foi dada pelo parlamentar durante reunião nesta quarta-feira (21) na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), para aprovação de Projeto de Lei que busca a readequação do plano de aplicação de recursos do Governo do Estado aprovado em 2012 pela Assembleia Legislativa.

Apesar de terem concordado com a admissibilidade do projeto, os deputados da comissão cobraram do Executivo maior detalhamento de como os recursos serão aplicados para que o projeto possa ser votado em plenário.

Obra importante para a região do Açu, a Estrada da Castanha está com seu projeto pronto, mas ainda não foi licitado, segundo informação passada pelo diretor do Departamento Estadual de Estradas e Rodagens (DER), Demétrio Torres, juntamente com o secretário estadual de Planejamento, Obery Rodrigues Júnior.

Ambos estiveram presentes à reunião para prestar esclarecimentos sobre o remanejamento de 63% de um empréstimo de mais de R$ 614 milhões para o pagamento de outras dívidas contraídas pelo Estado.

Os R$ 200 milhões restantes serão aplicados em diversas obras, entre as quais o deputado George Soares pede a inclusão da Estrada da Castanha.
Postado por Pauta Aberta.

UERN:

  Candidatos aprovados no concurso público de 2010 são convocados

A Universidade do Estado do RN (Uern) convocou mais 19 aprovados no concurso público realizado em 2010. 
São 16 novos servidores que vão trabalhar no Campus Central, sendo 11 técnicos de nível superior e cinco agentes administrativos.
Foram convocados também outros três agentes administrativos, de acordo com informação divulgada pelo portal oficial da instituição universitária.
São dois para o Campus Avançado Prefeito Walter de Sá Leitão, em Assú, e outros dois para o Campus Avançado de Pau dos Ferros.
Os novos servidores terão entre 21 de maio e 20 de junho para se apresentarem à Pró-Reitoria de Recursos Humanos e Assuntos Estudantis, situada no Edifício Epílogo de Campos, Praça Miguel Faustino, s/n, centro de Mossoró.
No ato da apresentação os convocados devem apresentar uma série de exames que estão listados no edital de convocação.
A posse dos convocados está prevista para o dia 20 de junho.
Os candidatos inclusos na lista de chamada que não puderem assumir o cargo podem requerer passar para a última colocação.
Nesse caso, será convocado o candidato melhor colocado na lista.
A partir da posse o candidato inicia o processo de estágio probatório de três anos.
Outras informações podem ser obtidas nos telefones (84) 3315-3028 e 3315-2122.
Veja AQUI a relação nominal dos convocados. 
Postado por Pauta aberta.

AÇÃO PARLAMENTAR

Pleito de George Soares, titularidade das casas em São Rafael será definida em reunião com o DNOCS
Uma reunião na sede do Departamento Nacional de Obras Contra a Seca (DNOCS) em Natal, marcada na próxima semana, deve resolver definitivamente a questão da titularidade das casas do município de São Rafael. O deputado estadual George Soares foi convidado pelo coordenador estadual do órgão, José Eduardo Alves Wanderley, a participar do encontro que será realizado na próxima segunda-feira (26), às 9h. Também estará presente o deputado federal Henrique Eduardo Alves.

A questão da titularidade é uma luta de George Soares com a ajuda dos deputados federais João Maia e Henrique Alves. No mês passado, em São Rafael, o parlamentar participou de uma audiência pública no município proposta pelo vereador Jean do PT, na Câmara Municipal. "Estamos felizes com a convocação para esse encontro. Depois de 30 anos, vamos sair dessa reunião com uma solução definitiva", comemora George.
Assessoria de Imprensa do Deputado Estadual George Soares 

terça-feira, 20 de maio de 2014

CONTO

O ENXOVAL

- Vou num pé e volto noutro, Júlia. Quando voltar, casaremos.

- Vou ficar esperando agoniada. Quando você voltar o enxoval vai tá pronto. Inté meu amor. - Beijam-se.

Nilson sobe na carroceria do caminhão pau de arara. O carro parte, desaparecendo lentamente na poeira, enquanto Júlia balança as duas mãos num adeus quase interminável. Quando a poeira baixou e a estrada se mostrou vazia, ela deixou-se cair de joelhos aos prantos.

- Nilson, eu te amo!... Te amo, te amo...  Não sei se vou suportar...

O pai Luiz e a mãe Marta pegam a jovem por baixo das axilas levantando-a.

- Vamos filha, ele voltará logo. – Disse a mãe.

No meio de dezenas de parentes dos viajantes e de curiosos, o jovem conhecido por Caeba, visivelmente embriagado, observando a cena deu seu palpite:

- Agora volte! Da Bahia mais pra dentro... Aqui é lugar de preguiçoso, vagabundo como eu!

- Cale a boca seu bêbado chato! – Advertiu o velho Luiz.

- Oh, mãe... (chorando) - Também sinto que ele não vai voltar... Não vai voltar!

- Calma filha, Remanso é perto. Depois do período da pesca ele retornará à Juazeiro. Aqui é o lugar dele... Vocês se amam e irão se casar - Falou o pai tentando consolar a filha, uma das jovens mais formosas do lugar.

A caminho de casa Julia se lamentou o tempo todo.

Havia anos que não entrava água pelo canal natural da Lagoa. A pescaria, comercialmente, tinha acabado. Nilson era pescador e como a Lagoa do Piató estava praticamente seca tinha ido ganhar a vida no Lago de Sobradinho – Remanso/BA. As populações das comunidades do entorno da Lagoa viviam momentos de aflições. Quase todos os homens foram pescar em Sobradinho - onde a pesca era farta. Ficaram basicamente as mulheres, crianças e idosos. Famílias inteiras abandonaram suas casas e partiram. Época desoladora.

Dia após dias Júlia chorou na tentativa de descarregar e serenar a tensão. 

Estava vivendo de tristezas e quase não se alimentava. Vivia deitada ou pelos cantos da casa sempre chorando. Havia se passado três meses sem nenhuma notícia.

Seu Luiz vendo a tristeza da filha foi ao quintal, amarrou as duas marrãs de porcas do chiqueiro, que ele estava cevando para matar no casamento, e as levou para vender na feira do gado, em Assu. Com o dinheiro da venda das bacorinhas comprou tecidos para confecção do enxoval de Júlia e Nilson. Há tempo não via a filha esboçar um sorriso, mesmo que sem graça. Ela, abraçando os tecidos, foi diretamente para a velha máquina de costura para começar a trabalhar. Tinha aprendido a costurar na adolescência, quase criança, com a mãe. Não era uma exímia costureira, mas sabia o essencial para uma casa. Confeccionar seu enxoval era uma questão de honra. Tinha prometido ao Nilson... E se ele chegasse e não estivesse pronto? Sua ansiedade era tanta que ao iniciar a costura do primeiro lençol não ajustou devidamente a máquina e a agulha quebrou. Ela ficou nervosa... Olhava a agulha sem querer acreditar... Quebrar agulha era sinal de que logo haveria morte na família.

Sete meses se passaram e nada de notícia do Nilson. Depois de sua partida muita coisa tinha acontecido, a lagoa tinha recebido água e a Barragem Armando Ribeiro tinha sangrado pela primeira vez. Todos os reservatórios estavam cheios. Tudo indicava anos de farturas.

Os lençóis, fronhas, panos de pratos e toalhas já estavam prontos, faltando tão somente bordar os lençóis. Júlia estava justamente bordando o lençol em ponto de cruz com as iniciais “NJ” quando, de súbito, ouviu um grito forte:

- Chegaram os cassacos de Sobradinho! Chega meu povo, venham receber seus parentes! Vamos comemorar! – Gritou Caeba.

Júlia deu um pulo da cadeira e quando deu por si tinha quebrado a agulha e furado seu dedo indicador, que sangrava. Quebrar a segunda agulha era mais um aviso de mau pressentimento. Não se incomodou, jogou tudo num canto e saiu desesperada porta afora em busca do caminhão. A pacata comunidade de Juazeiro ficou em alvoroço, surgiram pessoas de tudo quanto era buraco. Abraços, choros, beijos... A alegria do reencontro dos parentes era inebriante.

Júlia ficou aguardando até o último passageiro descer. Nada de Nilson. Chorando, cabisbaixa, foi retornando para casa quando Tiago – amigo do casal, a chamou:

- Júlia! – entregando-lhe um envelope – Nilson ficou... Tá juntando dinheiro pra comprar uma casa pra vocês. Ele tá trabaiando feito um bicho. Daqui uns trinta dias tá por aqui.

Julia recebe o envelope, agradece e vai saindo com a mesma tristeza. Caeba observando a cena não perdeu tempo:

- Eu não disse que ele não vinha! Fique esperando sua besta, vai morrer donzela... (batendo no peito) Eu estou à disposição! - fechou o deboche com uma gargalhada.

Júlia fez de conta que não tinha ouvido e saiu em direção à casa dos pais. Sentou, leu a carta. “-... Não se avexe Júlia. Por amor enfrentamos tudo. Chegarei em breve. Saudades... Beijos, Nilson.”

A depressão de Júlia aumentou. Conselhos e mais conselhos dos pais, vizinhos, e nada... Todas as tardes ela pegava um lençol e ia para a beira da lagoa. Sentava na proa de uma canoa e ficava bordando até o sol desaparecer por trás dos montes. Numa destas tardes, quando estava concentrada no bordado, um barulho a assustou e, no sobressalto, ela quebrou a agulha. Levantou a vista, colocou a palma da mão sobre os olhos, tentando evitar o reflexo solar e gritou:

- Nilson, você voltou meu amor! Eu sabia que você vinha... Amor da minha vida!... (levantando os braços) Olhe, este é o último lençol... Terminei o nosso enxoval... 

Júlia caminhou em direção ao seu eterno e único amor...

- Chega meu povo! A donzela tá se afogando! – Gritou Caeba.

Quando os pescadores conseguiram retirar o corpo de Júlia da água já não tinha mais o que ser feito. Morreu abraçada com o lençol.

O corpo de Júlia estava sendo velado na capela da comunidade quando entra numa correria desenfreada o Caeba.

- Outra desgraça! – respirou fundo e concluiu – Deu na Rádio Princesa que o pau de arara que vinha com os pescadores bateu num jumento, depois da ponte de Assu e virou... (pausa) Tem muita gente ferida e um morreu: Nilson!...

No bolso de Nilson estava uma caixinha vermelha em forma de coração com duas alianças. O casal foi sepultado no cemitério da comunidade numa única sepultura. Na cruz de mármore foi escrita: ‘Nilson Matias e Júlia Fernandes (+ 10/05/1985) – Casados na eternidade’.
Dizem que o por do sol no Piató ficou mais sentimental... Quem contempla aquela beleza, quase sempre, lembra-se de um amor impossível e termina chorando.

Autor: Ivan Pinheiro (abril/2014).
Fotos ilustrativas. Por do sol: PortoPiato.blogspot.com

COMENTÁRIO:
Que história!!! Não ao acaso, eis explicações ao suspirante ar, por do sol como citado e encantamento da lua e Lagoa do Piató.

POESIA:

Jamais vou esquecer
Este dia tão sombrio
Quando fui a Doutor Bruno
Mostrar o que não devia
Relatei o que sentia
E ele sem cerimônia
Disse-me sem pestanejar:
Deite ali naquela cama
A “Ribeira” vou olhar.

Fiquei todo constrangido,
Deixar um sujeito ver
E no meu ânus tocar!
Pense numa hora amarga!
Deu vontade de chorar.
O Doutor muito tranquilo
Foi tocando devagar
Falando que na minha idade
É preciso analisar
Proctologista é médico
Que gosta de cutucar.

Saí dali tão triste
Perguntando a Deus, meu Pai:
Que danado leva um homem
Estudar e se formar
E ter especialização
Para ânus consultar?

Vou tomar os remédios,
A pomada aplicar
E confiando em Jesus Cristo
Tenho fé e esperança
Que o tal de Doutor Bruno
Não vai mais me cutucar.

Autor: Mané Beradeiro
20 de maio de 2014

Postado por Fernando Caldas

ASSU

SÃO JOÃO 2014

HOMENAGENS:

Dezenas de escoteiros de diversos municípios do RN compareceram à Sessão Solene realizada hoje (20) na Assembleia Legislativa. O evento, proposto pelo deputado estadual George Soares, é alusivo ao Dia do Escoteiro, comemorado no mês passado.

O parlamentar faz parte da União Parlamentar Escoteira do Rio Grande do Norte e tem um trabalho de reconhecimento e apoio ao movimento.

É de sua autoria o Projeto de Lei apresentado este ano que reconhece o assuense Luiz Correia de Araújo Soares como patrono do escotismo no Estado.

Além disso, o parlamentar também é autor da emenda de R$ 100 mil para a construção do Centro da Juventude de Escoteiros de Maxaranguape e se comprometeu em lutar também, com o apoio dos demais deputados, pelos recursos para um Centro a ser construído em Assú.

Homenagens

Catorze pessoas foram homenageadas durante a sessão representando escoteiros de Natal, Arez, Pureza, Caicó, Pau dos Ferros, Monte Alegre, Ouro Branco, Assu, Mossoró e Macau. 

Uma homenagem póstuma a Antônio Carlos Dantas, mais conhecido como Toinho do Frutilândia, também foi feita. A família de Toinho compareceu à sessão e recebeu a comenda das mãos do deputado. 
- "A missão do Movimento Escoteiro é a de contribuir para o desenvolvimento dos valores dos jovens através de atividades atraentes e variadas que servem de extensão dos seus lares. Por isso, merece toda nossa homenagem", afirma George.
Assessoria de Imprensa do parlamentar. 

AÇÃO PARLAMENTAR

Toinho do Frutilândia é homenageado em Sessão Solene pelo Dia do Escoteiro
Dezenas de escoteiros de diversos municípios do RN compareceram à Sessão Solene realizada hoje (20) pela manhã na Assembleia Legislativa. O evento, proposto pelo deputado estadual George Soares, é alusivo ao Dia do Escoteiro, comemorado no mês passado. Um dos 14 homenageados foi o assuense Antônio Carlos Dantas, mais conhecido como Toinho do Frutilândia. A família de Toinho compareceu à sessão e recebeu a placa como homenagem póstuma das mãos do deputado George Soares. 

"Toinho nunca deixou de colaborar e de acompanhar as atividades desempenhadas pelos escoteiros de sua cidade. Foi um homem religioso, engajado nos trabalhos pastorais da capela de São José. Um assuense de caráter inquestionável. Um escotista que contribuiu para que muitos jovens se tornassem adultos respeitáveis e úteis à sua comunidade", lembrou o deputado em seu discurso.

Durante a sessão, estiveram presentes escoteiros de cidades como Natal, Arez, Pureza, Caicó, Pau dos Ferros, Monte Alegre, Ouro Branco, Assu, Mossoró e Macau. 

Soares faz parte da União Parlamentar Escoteira do Rio Grande do Norte e tem um trabalho de reconhecimento e apoio ao movimento. É de sua autoria o projeto de lei apresentado este ano que reconhece o assuense Luiz Soares Correia de Araújo como patrono do escotismo no estado. Além disso, o parlamentar também é autor da emenda de R$ 100 mil para a construção do Centro da Juventude de Escoteiros de Maxaranguape e se comprometeu em lutar também, com o apoio dos demais deputados, pelos recursos para um Centro a ser construído em Assu.
Crédito da foto: João Gilberto/Assessoria da ALRN
Assessoria de Imprensa do Deputado Estadual George Soares
 

PESAR:

Morre Mário Madruga

Mario O dia 19 de maio é para ser esquecido, depois da partida do amigo Miguel Josino, chega a noticia da partida do também gente boa Mario Madruga.

Mario, pessoa do bem, colega das antigas de campanhas políticas, calmo e bem humorado, extremamente querido por todos, e principalmente pela turma do Marista, onde estudou e era carinhosamente chamado de “Lula”.

Mais um ser humano que perdemos por causa de depressão.

Fica os sentimentos do blog para Aninha, Gracinha, Beto e os filhos e a esposa. Que deus conforte todos.

Por causa de uma demora inexplicável do ITEP em recolher o corpo, o velório só terá inicio durante a madrugada. A missa será amanhã (terça-feira) às 10:00h no morada da paz da Rua São José e o enterro ao meio dia no Morada da paz de Emaús.
Postado por Blog do BG.

MIGUEL JOSINO:


 RINS, FÍGADO, CORAÇÃO E CÓRNEAS FORAM RETIRADAS COM SUCESSO E DOADOS
 
De acordo com familiares de Miguel Josino, foram retirados com sucesso os rins, fígado, coração e córneas do jurista. Devido a todo esse processo, o velório e o sepultamento só foram marcados para esta terça-feira. Os trâmites e a remoção dos órgãos, levaram aproximadamente 15 horas e só foi concluída por volta das 05:00 da manhã desta terça.

O velório está marcado para as 08:00 mas poderá ter um pequeno atraso devido a todo o processo da retirada dos órgãos e será na escola de governo no Centro Administrativo. A missa será às 14:00 com sepultamento em seguida no Morada da Paz em Emaús.
Postado por Blog do BG.

segunda-feira, 19 de maio de 2014

NATAL:

FESTA DA COLÔNIA ASSUENSE 

SEBRAE/RN:

Com a participação da consultora Daniela Tinoco, o escritório regional do Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequena Empresa do RN (Sebrae), em Assú, promoverá nesta terça-feira (20) uma palestra gratuita sobre o tema Conhecendo Franquias.

Será a partir de 19h30 na sede da entidade, localizada à Rua Bernardo Vieira, nº 104, centro de Assú.

O conteúdo abordará os seguintes subtemas: O que é franquia, a lei da franquia, como funciona o sistema de franquias, franqueador x franqueado, a escolha da franquia, processo de seleção de franqueados, Circular de Oferta de Franquia (COF), aspectos jurídicos e contrato.

Outras informações sobre a programação podem ser obtidas através do telefone (84) 3331-8300.